Semana Santa com as freiras carmelitas em Santo Domingo de Los Colorados

Semana Santa e Páscoa. Mãe de Deus no ícone de Nossa Senhora de Czestochowa passou em Santo Domingo ao lado das Irmãs Carmelitas no Mosteiro da Santíssima Mãe de Jesus e Santa Teresa do Menino Jesus, cercada de amor e oração fervorosa. O mosteiro foi fundado em Santo Domingo em 21 de fevereiro de 1998, já tem 19 anos, com muitas vocações.

As irmãs decidiram expandir e criar uma nova casa, mas desta vez no Panamá. Elas têm sonhado em ter para a nova capela uma imagem de Jesus da Misericórdia que está no Santuário de Lagiewniki, Cracóvia. Eles sabem que Santa Faustina Kowalska, grande missionária da Divina Misericórdia, era polonesa, além disso, todos associam a Cracóvia com São João Paulo II. Assim que sua candidatura foi apresentada ao Pai León Juchniewicz, amigo das irmãs e missionário polonês que passou 30 anos trabalhando no Equador. O início da peregrinação de Nossa Senhora de Czestochowa, na diocese de Santo Domingo foi muito intensa, tudo coordenado pelo padre Leon. O pedido das irmãs carmelitas foi transmitido aos coordenadores internacionais Ewa e Lech Kowalewski. Eles, por sua vez, e dirigiram o padre Stanislaw Maślanka, um amigo do povoado de Zabierzow na Arquidiocese de Cracóvia, e assistente da cruzada de oração em defesa dos nascituros, o movimento mais antigo de oração da pró-vida na Polônia . O padre Stanislaw trabalhou duro para obter a imagem para o convento de carmelita no Panamá. Ele, pessoalmente, foi até Łagiewnik, descobriu que uma imagem impressa sobre tela estava disponível, então a comprou na loja do santuário. Ele comprou como um presente pessoal e enviou ao Equador pelos coordenadores. As irmãs ficaram muito felizes. Esta imagem, graças as constantes orações das irmãs do mosteiro no Equador, já viajou para a sua nova casa no Panamá.