Em reuniões preparatórias antes da JMJ em Chitré

Vagando pelo mundo O ícone de Nossa Senhora de Czestochowa em 12 de janeiro chegou da capital do Panamá para Chitré. É uma cidade do Panamá localizada na base da península de Azuero, a cerca de 7 km da costa da Baía do Panamá (do lado do Pacífico), distante da capital cerca de 250 km - cerca de 3 horas na rodovia.

Inicialmente, ela parou no mosteiro de São José dos Agostinianos, que a cercou com uma adoração cordial. As 17:00, os jovens panamenhos mudaram-na para a antiga e bela catedral de São João Batista as 18:00hs uma missa solene foi celebrada nesta ocasião. Nossa Senhora de Czestochowa está esperando por lá a chegada dos jovens poloneses, que aparecerão em vários grupos depois de 13 de janeiro. Depois de serem bem-vindos, o Icone visitará sucessivamente paróquias que receberão poloneses.

Nos dias 18 e 19 de janeiro, o Icone volta com a juventude polonesa para a capital do Panamá. E estará presente no "Marifest", Festival de Canções Marianas, que terá lugar na Paróquia de Nossa Senhora da Esperança. Nesta paróquia, padre Francesco Verara, chefe da televisão católica FETV, a mando do arcebispo local que detém a função de guardião do ícone no Panamá. O festival termina no dia 21 de janeiro.

Negociações sobre a visita de Nossa Senhora Czestochowa  Icone no "Dar Mlodzieży" estão em andamento. Uma Fragata atracará no porto do Panamá em 21 de janeiro.

Paróquia de São Lucas está buscando a presença do ícone de 22 a 25 de janeiro. Haverá reuniões de jovens poloneses lá, no final do qual sua presença foi anunciada pela esposa do Presidente da Polônia - Agata Kornhauser-Duda.

25 de janeiro O ícone retornará à igreja dos Carmelitas de Nuestra Señora del Carmen, no centro do Panamá.

De 22 a 27 de janeiro, o Encontro Mundial da Juventude será com o Papa Francisco.