Comitê Organizador da Peregrinação se reúne no México.

Do dia 05 ao dia 07 de novembro de 2015, o Comitê Organizador da Peregrinação se reuniu na Capital do México. Estavam presentes os representantes do México e da Colômbia, bem como Marcela y Peter Dobes e os coordenadores internacionais Ewa y Lech Kowalewski, ambos casais da Europa.

A reunião começou com a Santa Missa com a presença da Imagem de Czestochowa, no santuário de Guadalupe. A Dra. Monique Risso de Gibraltar também estava presente.

Depois da Santa Missa, foi recitado em espanhol o ato de Consagração  da Proteção da Civilização da Vida e do Amor à Mãe de Deus. A continuação da congregação se dirigiu ao Edifício de uma antiga escola primária nas instalações do Santuário, onde o resto da reunião foi realizado. A presença das Irmãs da Imaculada Concepção de Nossa Senhora de Tenango com os Sacerdotes Palotinos Polados, o Padre Bartłomiej Palys SAC e o padre Kazimierz Czulak SAC, Que fizeram os participantes se recordarem do encontro com a Nossa Senhora de Czestochowa em Tenango. Resultou na escolha do nome Jolanta de Nossa Senhora de Czestochowa para uma das candidatas ao convento, depois da visita. Ewa Kowalewska aproveitou a oportunidade e presenteou a irmã com uma pequena imagem trazido diretamente da cidade de Czestochowa, Polônia, que ficou muito feliz com o recebimento do presente.

Logo que os membros disseram seus nomes e que se dedicavam, foram levados a uma sala onde viram um filme sobre a Peregrinação de Czestochowa na Rússia e Europa (parte Leste), filme este na versão espanhola. Todos gostaram muito, sendo a reunião presidida por Beatriz González, que é a principal organizadora da Peregrinação no México junto com seu esposo José. Ela pediu para os presentes darem o seus testemunhos sobre a experiência de viajar com Nossa Senhora, sendo prontamente atendida, inclusive com as experiências familiares com Nossa Senhora. Houve um testemunho de uma pessoa que acredita ter sido salva por meio de um milagre. Esta pessoa sofreu um acidente, no qual um caminhão desgovernado começou a cair num grupo que orava na frente de uma Clínica de Aborto junto da Imagem. Num último momento, o caminhão caiu cerda de um metro da Imagem sem causar nenhum dano. Parecia ter sido empurrado para um muro invisível. O Padre Czulak destacou ser uma situação incrível. Na América do Norte e na Europa, Nossa Senhora de Guadalupe é venerada como a protetora da vida. E nas paróquias mexicanas a Imagem de Czestochowa, peregrinando de Oceano a Oceano, é visto como um símbolo em defesa da vida.

A reunião continuou no sábado a noite. Lech Kowalewski ofereceu uma conferência em Inglês sobre a Imagem de Czestochowa, falando dos objetivos e das experiências durante esta Peregrinação histórica, onde uma participante traduziu simultaneamente para o espanhol Foram feitas observações de vídeos da Peregrinação em outros países até tarde da noite. Primeiramente estava destinado a ser somente um informe na Polônia, mas muitas pessoas quiseram saber mais. Beatriz leu a tradução em espanhol, mas não houvera muito tempo para fazer a edição do vídeo. Podemos dizer que os vídeos tiveram uma segunda inauguração no México. Na referida reunião, também estavam presentes os Párocos da Paróquia de São João Paulo II e São Tomás Moro, o padre Luis A. Monroy López, que é curador da Imagem no México.

Nos dias seguintes, houveram convenções intensivas sobre o plano adicional da Peregrinação. Foi decidido que a imagem ficaria no México até o final de abril e depois da Festa da Divina Misericórdia iria para a Península de Yucatán com a intenção de tomar uma balsa até Cuba. Pedimos a todos que orem por esta intenção.